Quem é Rosa

Minha foto
“A vida é a descoberta de quem somos." contato: rosicleidedavid@ymail.com

intervalos

Nos meus intervalos, eu passo por aqui...
Revelo a colheita do que plantei durante o dia,
Faço uma breve análise do que está em mim ou do que se passa ao meu redor,
Ou simplesmente deixo fragmentos de sonhos...

Os textos de minha autoria são protegidos pela lei n° 9.610 de 19-02-1998, lei dos direitos autorais.

sábado, 24 de abril de 2010

24 de abril de 2010



Você existe



Penso em você
Lembro sem ter lembranças
E há dias que se passam e eu te esqueço
Nesses dias é como se eu te escondesse em algum canto de mim,
Mas sem nunca notar realmente o porquê,
Eu volto a visitá-lo.
Não vejo a sua face, mas que relevância há nisto
Diante da sensação que me causa em apenas imaginar-te?



Sinto a sua falta de maneira tão intensa
Saudade de uma presença que só foi ausência.
Alguém que nunca vi passar,
E mesmo assim, sinto falta do teu cheiro.
Alguém que nunca ouvi,
E mesmo assim, sinto falta do tom da tua voz...
Sim, aquele tom que me perturbaria e me acalmaria...
Não te procuro, não saberia onde procurar.


Você existe em algum canto de mim
O que te torna presente apesar de ausente.
Quanto mais estou próxima de mim
Mais perto de você, eu sinto que estou.
Preciso estar inteira para que ao passar por mim, você me reconheça
Apesar de não me conhecer
Então, a tua face ganhará os traços
E meu corpo encontrará a temperatura certa.


Você existe
Porque eu existo.


Rose David

Nenhum comentário:

Postar um comentário